PORQUE USAR LUVAS É TÃO IMPORTANTE AO PILOTAR UMA MOTO?

PORQUE USAR LUVAS É TÃO IMPORTANTE AO PILOTAR UMA MOTO?

Depois do capacete – item de segurança obrigatório em todo território nacional –, a luva é um equipamento de segurança indispensável para o motociclista. Ignorada muitas vezes pela maioria dos pilotos, as luvas protegem as mãos (ossos, músculos e pele) de impactos e dilacerações, como também do frio, do sol, de pedriscos e de insetos. 

A mão é uma das ferramentas mais precisas do corpo humano. Usamos tal membro todos os dias para inúmeras tarefas: abrir uma porta, teclar uma mensagem, indicar um caminho ou acenar para um amigo. Elas também são fundamentais para a condução da motocicleta: acionar embreagem, freio, acelerador e, claro, segurar o guidão. 

Quando o motociclista cai da moto, instintivamente ele projeta as mãos à frente e é ai que o membro sofre danos – fraturas, escoriações ou, em casos extremos, a amputação. Ou seja, se o motociclista não estiver com uma luva de qualidade – de preferência de couro – as sequelas podem ser irreversíveis.

Em alguns casos o motociclista perderá o tato e até os movimentos dos dedos. Ou seja, sem este movimente ficará impossível pilotar uma motocicleta novamente, já que não haverá como engatar marchas ou frear o veículo.

A mão é bastante delicada e flexível. Por isso perder a pele que a reveste poderá comprometer muito os movimentos. Por isso use luvas, sempre. O equipamento de segurança pode ser a diferença entre o motociclista capaz de pilotar ou uma aposentadoria precoce. Por isso invista em sua segurança. Use luvas!!! É o MunitoMotor na campanha de incentivo ao uso de equipamentos de segurança por parte dos motociclistas. 

DICAS PARA TRANSPORTAR CORRETAMENTE SUA BIKE

Em 2018 foram produzidas mais de 770 mil bicicletas no Brasil, segundo dados da Abraciclo – associação que reúne os fabricantes de motos e bikes. No verão a procura por uma “magrela” explode e a vontade de passear ao ar livre aumenta, principalmente, nos fins de semana. Mas você sabe como transportar sua bike corretamente? Os suportes para veículos de passeio oferecem diversos modelos. Há os que são acoplados diretamente no porta-malas, os que se conectam nos engates automotivos e os que ficam no teto do automóvel.

Os modelos acoplados ao teto requerem que o veículo já tenha barras transversais onde o suporte de bike é fixado. Nesse mecanismo, a bicicleta é transportada em pé e as rodas ficam sobre trilhos. Em alguns casos, a roda dianteira é retirada e acomodada dentro do veículo. Já os suportes fixados diretamente no porta-malas devem ser bem presos por meio de cintas de fixação, que se encaixam no vão do porta malas do veículo, deixando as bikes em uma posição perpendicular ao solo. Uma outra solução são os suportes de bike acoplados ao engate automotivo, que traz como diferencial a fácil instalação. 

Uma das principais fabricantes destes suportes é a Reese, marca da Horizon Global Brasil. Seus produtos se destacam por design arrojado e funcional, além de apresentarem facilidade de instalação. Alguns modelos contam com sistema antifurto, tanto para bike quanto para o suporte de bike. Os preços partem de R$ 220 (suportes de teto).

Legislação
Fique ligado! Se as bikes cobrirem a placa ou as luzes de sinalização de direção do veículo, mesmo que parcialmente haverá necessidade do uso da régua de sinalização e o uso da segunda placa, de acordo com a Resolução 349/10 do Contran. Outra orientação é a necessidade de respeitar o peso máximo de carga especificado para o veículo. Por isso fique atento as regras de regulamentação para transporte de cargas, regidas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), evitando assim multas e acidentes.

JAQUETA SERRA LS2: VERSATILIDADE NAS VERSÕES MASCULINA E FEMININA

Versatilidade. Essa é a palavra-chave que define a nova jaqueta Serra da LS2. Com versões masculina e feminina, o modelo pode ser usado tanto no dia a dia, como também em viagens. Indicada para donos de motos street ou nakeds, a Serra é confeccionada em tecido Oxford 600D. Conta com membrana impermeável e forro térmico removível. Traz ainda detalhes refletivos para aumentar a visibilidade do piloto. O modelo é resistente a abrasão, vento e umidade. Conta ainda com protetores removíveis nos ombros, cotovelos e coluna. Tudo pensado para deixar a pilotagem mais confortável e segura.

A LS2 não esqueceu da mulher motociclista – que pilota sua própria moto ou que vai na garupa. A jaqueta Serra Lady (abaixo) é mais acinturada, se moldando melhor ao corpo feminino. Esta versão conta com gola com fecho instantâneo regulável, mangas com sistema de velcro e botão de pressão, além de punhos e cintura, ambos ajustáveis com velcro. O preço é bastante competitivo: R$ 799,90. Visite: ls2.com.br

JAQUETA LS2 GALLANT: PRONTA PARA GANHAR O MUNDO

Completa, bonita e cheia de detalhes, a jaqueta Gallant da LS2 é confeccionada em poliéster de alta resistência nas cores cinza, preto e vermelho. A parca conta com gola com fecho instantâneo regulável e vários refletivos. O modelo traz tecido impermeável, respirável e com forração térmica para proteger o motociclista em dias mais freios. O inverno está aí, então é bom estar preparado e protegido durante a pilotagem! No verão é só retirar o forro sem perder em conforto e também em segurança. É ideal para donos de bigtrails, aventureiras esportivas ou motos do estilo touring.

 

Versátil, a parca da LS2 conta com áreas frontais com ventilação e botões magnéticos, além de ajuste na cintura. Conta ainda bolsos internos, um deles exclusivo para guardar o celular. Com bom caimento, a jaqueta Gallant oferece liberdade de movimentos, conforto e segurança. Isso sem falar na beleza, sofisticação e preço bastante competitivo: R$ 999,90. Visite: ls2.com.br