Como é dirigir o novo HB 20S, sedã da Hyundai que foi totalmente reformulado

A versão mais cara do sedã HB 20S 1.0 TGDI 12V Flex Diamond Plus custa R$ 81.290 / Divulgação

Com a chegada da segunda geração da família HB 20, que desembarca inicialmente apenas na versão hatch em outubro nas concessionárias, existe a possibilidade real de a marca de origem sul-coreana brigar pela liderança nacional de vendas. Porém, a nova linha HB 20 chegou três dias após a apresentação da segunda geração do GM Onix, que lidera as vendas de automóveis no Brasil há quase cinco anos. Ambas marcas investiram em inovações estéticas e tecnológicas. Na linha de compactos da Hyundai, uma das apostas é na diversidade.

A versão topo de linha conta com câmbio automático de seis velocidades / Divulgação

Entre HB 20, HB 20S e HB 20X, a linha compacta da Hyundai engloba 22 configurações, combinando diferentes carrocerias, motores, câmbios, acabamentos e equipamentos. Os preços vão dos R$ 46.690 do hatch 1.0 12V Flex Sense com câmbio manual de 5 marchas aos R$ 81.290 do sedã 1.0 TGDI 12V Flex Diamond Plus, com câmbio automático de 6 marchas. Qualquer cor que não seja Preto Onix – é, a Hyundai tem uma cor com o nome do principal concorrente – ou Branco Atlas acresce R$ 950 aos preços.

Na parte interna, destaque para o volante multifuncional e nova central multimídia / Divulgação

Mas é nos equipamentos que está a principal aposta da nova linha HB20. As versões mais completas, Diamond e Diamond Plus, trazem o que há de mais exclusivo na nova geração. Ar-condicionado digital, chave presencial Smart Key, piloto automático e limitador de velocidade, partida do motor por botão, troca de marchas por alavancas no volante (Smart Shift), sistema Stop & Go de parada e partida automática do motor estão na lista de conforto e conveniência. Exclusivos da versão de topo Diamond Plus, os sistemas de alerta e frenagem autônomo e de alerta de mudança de faixa são tecnologias inéditas no segmento. Completam a lista controles de tração e estabilidade (ESP e TCS), assistente de partida em rampa (HAC), monitoramento de pressão de pneus (TPMS) e câmera de ré com monitoramento da traseira (DRVM). Mas como é rodar com a versão sedã?

O motor 1.0 Turbo GDi, de 120 cv, faz o sedã HB 20S chegar até 190 Km/h / Divulgação

Primeiras impressões
Foram disponibilizadas para avaliação as versões “top” Diamond Plus do HB 20 e do HB 20S, ambas equipadas com o novo e espertíssimo “powertrain” composto pelo motor 1.0 Turbo GDI e o câmbio automático de 6 velocidades com borboletas no volante. Em ambas as configurações, a performance dinâmica é bastante satisfatória. O carro acelera com vontade e o torque aparece com disposição em qualquer giro. O carro ganha velocidade de forma surpreendente – na pista do aeroporto Una Comandatuba, no litoral Sul da Bahia, foi possível acelerar até os 183 km/h e a velocidade ainda poderia crescer mais, porém, o final da reta tornou prudente acionar os freios.

O sedã de quatro portas da Hyundai traz porta-malas de 300 litros / Divulgação

As passagens de marchas dos HB 20 com câmbio automático são precisas e discretas, permitindo que o carro ganhe velocidade rápida e progressivamente, sem solavancos desconfortáveis. E a possibilidade de mudar as marchas manualmente por meio de borboletas atrás do volante facilita a tarefa de obter um comportamento esportivo do conjunto.

O consumidor poderá escolher bancos Atlas (acabamento claro) / Divulgação

Outro destaque do novo HB 20 é a direção eletricamente assistida, muito bem balanceada. É inacreditavelmente leve nas manobras e bastante precisa e direta nas velocidades altas, o que transmite uma agradável sensação de controle total da situação ao motorista. Em termos de suspensão, tanto no hatch quanto no sedã, o acerto é igualmente bastante preciso. HB 20 e HB 20S entram e saem das curvas de forma equilibrada, sem “rebolar” ou adernar excessivamente. Nas freadas bruscas, nova demonstração de equilíbrio e precisão.

Na parte estética, destaque para a grande grade frontal / Divulgação

Pelo conjunto da obra, é fácil de se gostar dos novos compactos da Hyundai. Também houve a possibilidade de testar os sistemas de auxílio ao motorista, como o alerta de mudança de faixa e o os sistemas de alerta e frenagem autônoma – capaz de parar o carro sozinho a até 50 km/h em caso de impacto iminente mesmo que o motorista continue acelerando. Se a intenção for bater, será necessário desabilitar o sistema.

por Luiz Humberto Monteiro Pereira / Agência AutoMotrix

O principal concorrente do HB 20S será, obviamente, o GM Onix Plus / Divulgação

Ficha técnica
HB 20S 1.0 TGDI 12VFlex Diamond Plus

Motor: 1.0 turbo três cilindros com injeção direta de combustível e duplo comando variável de admissão e escape (Dual CVVT)
Potência: 120 cv a 6 mil rpm
Torque: 17,7 kgfm a 1.500 rpm
Aceleração de zero a 100 km/h: 10,7 segundos
Velocidade máxima: 190 km/h
Transmissão: automática de 6 velocidades e uma a ré, com possibilidade de trocas sequenciais através de “paddleshifts” no volante
Tração: dianteira
Freios: ABS com disco ventilado na dianteira e tambor na traseira
Pneus: 185/60 R15 Michelin Primacy
Comprimento: 3,94 metros
Largura: 1,72 metro
Altura: 1,47 metro
Peso: 1.091 quilos
Entre-eixos: 2,53 metros
Porta-malas: 300 litros – 930 litros com o banco rebatido
Tanque de combustível: 50 litros
Preço: R$ 77.990

Deixe seu Comentário

Seu E-mail não Será Publicado.