Conheça da Ferrari das motos: a nova Ducati Panigale V4S

Ela já era considerada a Ferrari das motos por causa da nacionalidade italiana, por adotar o vermelho em suas ‘macchinas’, pelas linhas arrojadas e, principalmente, por seu comportamento esportivo! Por isso, a primeira moto Ducati produzida em série equipada com motor V4 derivado da MotoGP, a Panigale V4 S traz o que há de mais moderno em termos de engenharia construtiva, que vem diretamente das pistas de corrida para as estradas e track-days.

A V4 S, nova superesportiva da Ducati, está equipada com motor de quatro cilindros em "V" / Divulgação

Confira, em vídeo, todos as novidades desta nova superesportiva italiana que hoje está bem à frente de sua concorrência. MinutoMotor teve o privilégio de rodar com superbike em Interlagos (SP), o templo da velocidade no Brasil.

A moto é estreita e o piloto conta com um boa ergonimia para acelerar / Divulgação

O propulsor quatro cilindros em “V”, batizado de Desmosedici Stradale, de 1.103cc, gera 214 cv de potência máxima. Traz um diferencial: o virabrequim contrarotativo. Essa solução contribuiu para tornar a moto ágil nas mudanças de direção, estável e extremamente rápida na estrada, além de garantir um fácil gerenciamento do torque nas retomadas. São 12,6 kgm, com pico máximo a 10.000 rpm.

Na pista de Interlagos (SP), a Panigale V4 S foi fácil de pilotar / Mário Villaescusa

A Panigale V4 S conta com rodas de alumínio forjado e bateria de íons de lítio, que ajudaram a cravar o peso em 174 Kg (à seco) e 214 cv. A aposentada 1299 Panigale pesava, à seco, 166,5 Kg, porém com 205 cv de potência e dois cilindros a menos.

A moto esbanja potência, torque e, ao mesmo tempo, muito controle / Mário Villaescusa

A nova superesportiva da Ducati também é recheada de tecnologia: suspensões Öhlins com regulagem eletrônica, modos de pilotagem, controles de tração, arrancada e de frenagem em curva integrado ao ABS e sistema anti-wheeling. Montada em Manaus (AM), o preço sugerido da V4 S é de R$ 109.900.

Em função da ciclística ajustada e dos pneus foi fácil inclinar a Ducati V4 S no circuito / Mário Villaescusa

Ducati Panigale V4 S
FICHA TÉCNICA

Motor Desmosedici Stradale 90 ° V4, virabrequim contrarotativo, 4 válvulas por cilindro, com acionamento desmodrômico, refrigeração líquida e injeção eletrônica
Cilindrada 1.103 cc
Diâmetro x curso 81 mm X 53,5 mm
Taxa de Compressão 14.0:1
Potência 214 cv a 13.000 rpm
Torque 12,6 kgf.m a 10.000 rpm
Acelerador Ride-by-Wire
Câmbio 6 velocidades, com Quick Shifter bidirecional
Quadro Liga de alumínio
Suspensão dianteira Invertida com garfo de 43 mm Öhlins NIX30 e totalmente ajustável – 120mm de curso
Suspensão traseira Monoamortecida Öhlins Öhlins TTX36 e totalmente ajustável – 170mm de curso
Rodas Forjadas em liga de alumínio
Pneus Pirelli Diablo Supercorsa SP

Freio dianteiro Discos duplo semiflutuantes de 330 mm, com pinças Brembo monobloco de fixação radiais e sistema ABS Bosch Cornering EVO
Freio traseiro Disco de 245 mm, pinça de 2 pistões e sistema ABS Bosch Cornering EVO
Painel Digital com display colorido TFT de 5″
Peso à seco 174 kg
Peso em ordem de marcha 195 kg
Distância entre eixos 1.469 mm
Altura do banco 830 mm
Capacidade do tanque 16 L
Preço Público Sugerido R$ 109.900

Deixe seu Comentário

Seu E-mail não Será Publicado.