COR LARANJA É A PRINCIPAL NOVIDADE DA LINHA 650 DA HONDA

Segue a gente nas mídias
Facebook
Facebook
YouTube
Instagram
Enviar via Email

Cores quentes e marcantes são a cara de países tropicais como o Brasil. Pensando em atrair um público mais jovem, a Honda renovou a família 650. Na versão 2019, a naked CB 650F e a esportiva CBR 650F ganharam novas cores, mais quentes: laranja e vermelho -, além do exclusivo – porém mais tradicional – preto perolizado (disponível apenas para a naked CB 650F). Os modelos estarão disponíveis em toda rede de concessionários até o final de julho com preço público sugerido entre R$ 34.900 para a CB 650F, e R$ 36.500 para a CBR 650F.

Com um ar mais jovial, a linha 650c manteve o tradicional motor de quatro cilindros em linha com duplo comando no cabeçote (DOHC – Double Over Head Camshaft). O tetracilindro de 649 cm3 é elemento compartilhado entre às CB 650F e CBR 650F. Sua peculiaridade é a bancada dos cilindros inclinada 30 graus à frente, opção técnica que permitiu verticalizar o posicionamento das engrenagens de câmbio e adotar um motor de arranque mais compacto, posicionado atrás da bancada, o que reduziu a dimensão longitudinal do motor. “Mais curto” facilitou um melhor posicionamento no chassi visando uma melhor concentração de massas.

O propulsor oferece potência máxima de 88,5 cv cv a 11.000 rpm e o torque máximo chega a 6,22 kgf.m aos 8.000 rpm. O câmbio de seis velocidades tem um escalonamento cujas relações de 2ª a 5ª marcha traalham em favor de melhores acelerações e retomadas de velocidade.

A agilidade das CB 650F e CBR 650F é mérito também do chassi tipo Diamond, no qual o motor faz parte da estrutura. Duas traves de aço de seção elíptica ligam a coluna de direção ao ponto de fixação do eixo da balança traseira. Esta por sua vez é realizada em alumínio fundido sob pressão e tem conformação assimétrica para permitir que a ponteira de escapamento seja posicionada de maneira a não limitar a capacidade de inclinação lateral.

A suspensão dianteira usa garfo Showa Dual Bending Valve (SDBV) com tubos de 41 mm de diâmetro. A tecnologia garante respostas mais adequadas especialmente sob grande solicitação como frenagens fortes e em pisos irregulares. Já a balança traseira é conectada a um conjunto mola-amortecedor regulável na pré-carga da mola em sete posições.

Tanto a CB 650F como a CBR 650F são equipadas de sistema ABS de dois canais que atua nos discos dianteiros e disco traseiro. A grande dimensão dos discos dianteiros (320 mm) em conjunto pinças Nissin de duplo pistão na dianteira e de pistão simples atrás configura um dimensionamento coerente com a desempenho dos modelos.

As rodas de liga leve (alumínio fundido sob pressão) contam com seis raios duplos calçam pneus esportivos de medidas 120/70-ZR17 e 180/55-ZR17 e dispõe de válvulas de ar em “L” para facilitar a calibragem dos pneus. Para concluir, os modelos têm garantia de 3 anos, além do Honda Assistance (sem limite de quilometragem).

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *