Fiat Mobi 2021 ganha versão aventureira e chega por R$ 47.390

Para 2021, o menor modelo da Fiat – o Mobi – acaba de receber pequenas alterações e ganhou uma nova versão, a Trekking. Agora, parte de R$ 38.990 na configuração de entrada Easy, R$ 46.490 na intermediária Like e R$ 47.390 na “top” Trekking. Para que não sabe, o Mobi é um subcompacto derivado do Uno de segunda geração e foi lançado em 2016 para ser o rival do Volkswagen Up. Vendeu cerca de 215 mil unidades desde sua estreia e, apesar da pandemia, está entre os modelos que menos perderam emplacamentos em 2020.

O modelo recebeu o logo Script e a Fiat Flag (a bandeira italiana estilizada junto ao lado esquerdo da grade frontal), que conferem nova personalidade ao veículo. O Mobi 2021 leva também para seu interior a nova identidade da marca. O logo Script está no centro do volante e na chave. Já a “Fiat” está no revestimento do câmbio, deixando clara a “italianidade” da fabricante. A sensação de robustez do modelo é ampliada com a altura livre em relação ao solo entre os eixos, agora de 19 centímetros, e o maior ângulo de entrada (o da frente) da categoria, com 24 graus, permitindo a transposição com mais desenvoltura de obstáculos como valetas, lombadas e buracos que o asfalto ruim das grandes cidades brasileiras apresenta.

A nova configuração topo de linha Trekking incorpora as mudanças da versão Like e investe em estilo e funcionalidade, como nas barras longitudinais de teto, que ampliam a altura e deixam o carro mais imponente, no teto bicolor com logo alusivo à versão e adesivo no capô, ambos itens exclusivos, nas calotas escurecidas com desenho próprio ou rodas de liga leve de 14 polegadas, nos retrovisores com pintura “black piano”, nas faixas laterais e maçanetas pintadas na cor do veículo, nos novos tecidos com costura laranja e no novo adesivo na tampa traseira e identificação da versão.

A linha 2021 do Mobi traz o “carrinho” mais conectado, com a nova geração da central multimídia UConnect 7’’, que já equipa as picapes Strada e Toro, com tela sensível ao toque de 7 polegadas, recursos importantes como Apple CarPlay e Android Auto com projeção sem fio (wireless), podendo parear dois smartphones ao mesmo momento. Desenvolvida no país, a central é intuitiva, funcional e amigável, melhorando a experiência do usuário com o veículo, por meio das funções navegação via Waze e Google Maps, música (Streaming/MP3), reconhecimento de voz (Siri/Google Voice), leitura e resposta de mensagem “handsfree” para SMS e WhatsApp e integração com calendário.

Com apenas 907 quilos de peso, é um dos carros mais leves do Brasil, o que traz benefícios tanto na economia de combustível quanto no desempenho. Equipado com motor Fire Evo Flex 1.0, de até 75 cavalos de potência a 6.250 rotações por minuto (com etanol) e 9,9 kgfm de torque a 3.850 giros, associado ao câmbio manual de 5 marchas, o modelo ganhou selo “A” no Inmetro, que aferiu 11,9 km/l com gasolina na cidade e de 13,3 km/l na estrada e de 8,4 km/h na cidade e de 9,2 km/l na estrada abastecido com etanol. Segundo a Fiat, o Mobi pode acelerar de zero a 100 km/h em 13,8 segundos e atingir a velocidade de 154 km/h.

Texto: Daniel Dias, da agência AutoMotrix, especial para o MinutoMotor

Deixe seu Comentário

Seu E-mail não Será Publicado.