Mercado de veículos usados ultrapassa 10 milhões de unidades negociadas

O mercado de usados e semi-novos apresenta crescimento moderado / Reprodução

Mais de 10,7 milhões de veículos usados passaram de mãos nos primeiros nove meses do ano. Crescimento de 1,94% se comparado com o mesmo período do ano passado (10.707.805 contra 10.504.484). A Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto) – entidade representativa do setor de lojistas multimarcas de veículos seminovos e usados, continua apostando na recuperação da economia.

Volkswagen Gol é o usado mais desejado entre os brasileiros / Divulgação

Entre janeiro e setembro, os segmentos de automóveis e comerciais leves movimentaram 8.057.790 unidades, crescimento de 1,80% na comparação com a mesmo período de 2018. Ou seja, para cada veículo novo vendido, 4,2 usados trocam de mãos nestas categorias. Volkswagen (autos) e Fiat (comerciais leves) lideram o mercado de usados. Destaques para Gol e Strada, respectivamente.

Honda CG lidera o mercado de motos usadas - e das novas também / Divulgação

Já no caso das motocicletas, a cada unidade zero quilômetros emplacada, 2,9 usadas são negociadas no mercado interno. Este ano (janeiro a setembro) houve 2.208.996 transferências envolvendo veículos de duas rodas, o que representa um incremento de 2,36% no comparativo com o ano passado. Aqui, Honda reina absoluta com 78,38% do total de motos negociadas e o carro-chefe é a CG.

Deixe seu Comentário

Seu E-mail não Será Publicado.