MT-03 ABS 2021: conheça todos os detalhes da pequena naked da Yamaha

A nova versão da MT-03 ganhou design ainda mais radical / Divulgação
A nova versão da MT-03 ganhou design ainda mais radical / Divulgação

De janeiro a agosto, a Yamaha vendeu 3.874 unidades da MT-03 ABS, contra 1.516 da Honda CB 500F, sua principal concorrente. Apesar desse “banho” comercial, a marca dos três diapasões quer ampliar ainda mais esta vantagem. Só não fez isso antes em função da pandemia. A versão 2021da caçula da linha MT chega com várias melhorias estéticas e ciclísticas. Estará disponível a partir da segunda quinzena de setembro em três opções de cores: cinza fosco (Ice Fluo), azul metálico (Racing Blue) e preto metálico (Midinight Black). Preço público sugerido a partir de R$ 25.490 (+ frete), aumento de 3,5%, em relação à versão anterior (R$ 24.634).

O tradicional azul metálico (Racing Blue) da Yamaha / Divulgação
O tradicional azul metálico (Racing Blue) da Yamaha / Divulgação

Em termos de design, a MT-03 traz novo paralama dianteiro, nova suspensão dianteira (invertida, novas entradas de ar posicionadas à frente do tanque, novo conjunto óptico – semelhante ao da MT09 – com DLR e canhão de luz. Agora as luzes de direção também são de LED e o painel multifuncional é 100% digital. O tanque de combustível está 31,4mm mais largo e sua altura foi reduzida em 20mm, que melhorou o posicionamento do piloto sobre a moto. Para finalizar, a suspensão traseira foi recalibrada e a nova rabeta perdeu as alças laterais que ficavam expostas.

A moto ganhou painel multifuncional e 100% digital, igual ao da R3 / Divulgação
A moto ganhou painel multifuncional e 100% digital, igual ao da R3 / Divulgação

Ciclística revisada – Agora a MT-03 2021 adotou suspensão invertida na dianteira – com 37 mm de diâmetro e 130 mm de curso – e ajustes de calibragem na traseira – monocross, com sete regulagens na pré-carga da mola e curso 125mm. Segundo a Yamaha, as mudanças deixaram o modelo ainda mais equilibrado em qualquer condição. Na dianteira não há nenhum tipo de regulagem.

A suspensão dianteira agora é invertida, com 130 mm de curso / Divulgação
A suspensão dianteira agora é invertida, com 130 mm de curso / Divulgação

O sistema de frenagem da MT-03 conta com disco ventilado do tipo flutuante de 298mm de diâmetro, mordido por uma pinça de duplo pistão na dianteira. Na traseira, disco ventilado de 220mm e pinça com pistão único. O conjunto conta com sistema ABS em ambas as rodas, que evita o travamento das rodas em qualquer condição de uso, seja em piso seco ou molhado.

O motor de dois cilindros gosta de médios e altos giros / Divulgação
O motor de dois cilindros gosta de médios e altos giros / Divulgação

Motor da R3 – O motor de dois cilindros da MT-03 é o mesmo que equipa o modelo desde sua chegada ao Brasil, em 2016. Aliás, naquela época o preço da MT-03 partia de R$ 18.790 (R$ 20.790, com freios ABS). Com capacidade cúbica de 321 cc, conta com duplo comando (DOHC -Dual Over Head Camshaft), 4 válvulas por cilindro, arrefecimento líquido e alimentação por injeção eletrônica. O propulsor é capaz de gerar 42cv a 10.750 rpm de potência máxima e 3 Kgf.m a 9.000 rpm de torque máximo. É o mesmo motor que equipa e mini esportiva R3. Infelizmente, o modelo não incorporou a embreagem deslizante.

Rabeta herdada da esportiva R3, com piscas em LED / Divulgação
Rabeta herdada da esportiva R3, com piscas em LED / Divulgação

Conclusão – A nova versão da MT-03 é uma moto radical, divertida e bem alinhada com o desejo de jovens motociclistas que querem visual diferenciado e bom comportamento dinâmico. Como diferencial, a nova MT-03 conta com quatro anos de garantia (maior da categoria), além da revisão com preço fixo. Assim o cliente saberá exatamente quanto irá gastar na revisão da moto. Em breve, o teste completo da nova versão da MT-03 ABS 2021.

A pequena naked vestida de preto metálico (Midinight Black) / Divulgação
A pequena naked vestida de preto metálico (Midinight Black) / Divulgação

Deixe seu Comentário