VÍDEO: FUNÇÃO ‘BUZINA’ DO APP GIULIA É SALVA-VIDA PARA SURDOS

Segue a gente nas mídias
Facebook
Facebook
YouTube
Instagram
Enviar via Email
RSS
Pinterest

Comunicação, segurança e inclusão social. Estes são os pilares do aplicativo Giulia, que é uma ferramenta que facilitará a vida dos deficientes auditivos. Hoje no Brasil são 12 milhões de pessoas. Atualmente, a dificuldade de comunicação é a grande barreira para os surdos, tornando sua inclusão social ainda mais difícil e complicada, isso sem falar no analfabetismo desta comunidade. Por isso, o App Giulia foi desenvolvido pela Map Innovation, do professor Manuel Cardoso (abaixo e ao centro) para tentar quebrar essa e outras barreiras.

O aplicativo tem várias funções, entre elas: Tradutor, Chat, Emergência, Babá eletrônica, Despertador, Localizador e Empresa, no qual é possível customizar sinais conforme as necessidade de comunicação dentro do ambiente de trabalho. A Honda deverá ser uma das primeiras empresas no Brasil a adotar o App e incentivar o uso entre seus colaboradores com deficiência auditiva, que hoje somam 109 pessoas.

Recentemente, o App Giulia adotou uma nova função, o “Buzina”, que capta o sinal sonoro da buzina de uma moto ou um carro. Dessa forma o App emite um alerta vibratório e um aviso visual ao smartphone. Ou seja, minimiza os riscos de atropelamento. Confira o vídeo exclusivo do MinutoMotor sobre as funcionalidades e os benefícios do aplicativo que irá melhorar a qualidade de vida dos surdos.

 

Vídeo com legenda para as pessoas com deficiência auditiva

3 opiniões sobre “VÍDEO: FUNÇÃO ‘BUZINA’ DO APP GIULIA É SALVA-VIDA PARA SURDOS

  • 16/06/2018 em 00:09
    Permalink

    gostei Muito , auxiliando os deficientes auditivos , tenho um afilhado surdo , fico feliz com o carinho e respeito da da Honda parabéns Honda Parabéns Mezari

    Resposta
  • 09/06/2018 em 23:22
    Permalink

    Expliquem melhor isso , onde será instalado o app?? Como usaremos ele ? Obs: sou surda .

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *